quarta-feira, 4 de fevereiro de 2009

Cheiros da minha vida.

Se tem uma sensação que sempre me passa batida é o cheiro.
Ontem no entanto não me lembro que cheiro me fez lembrar da idéia de que o cheiro guarda momentos ou padrões.
Tem diversas fragrâncias que me associam a coisas:
O cheiro característico daquele quarto pequeno dos seus amigos que ouvem metal(Todo quarto pequeno de um adolescente metaleiro tem o mesmo odor).
O cheiro de conhaque e de cartas que me lembra as reuniões com os amigos que meus pais tinham quando eu era criança.
O MALDITO CHEIRO DE PUM DE TRÊM. Você nunca esquece um desses....e surpreendentemente todo pum num trêm ou metrô parece ter saído do mesmo "reservatório".
O Cheiro do hidratante da namorada.Ou do perfume ou de seilá o que é mas é só dela.
Cheiro de pizza que faz vc nadar em baba só de sentir.E odiar o último fdp que pegou o elevador.
Quando vou pra alguma balada de metal já associo o cheiro da minha jaqueta de couro.
E o cheiro de gripe. Sempre que estou gripado sinto o mesmo cheiro de catarro.

Tem uma porrada de coisas que assim que você sente o cheiro você lembra.E ao menos pra mim é um dos sentidos que eu mais esqueço que existe.E a maioria das pessoas teria a vida arrasada se ficasse cego, surdo,mudo ou não tivesse tato. Mas se vc desenvolver Anosmia(Pessoa que não sente cheiro nenhum) pode ter uma vida relativamente normal.

3 comentários:

Otimista disse...

Fabio,Vi que esta melhorando seu vocabulário, usando palavras como Anosmia, isto que é cultura!
Vê se não fica metido d+(ahahha)

Mariana disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Eric Magliaro Prieto disse...

Tá sentindo esse cheiro de gás ou sou só eu?


Gente, o peru tá queimando no forno??


Pessoas com anosmia não passam por esses momentos =/